PESQUISA

Para você, que não votou na Dilma

por Amálgama (12/10/2010)

Um recado de LEONARDO DE SOUZA

por Leonardo de Souza * – Você não votou na Dilma no primeiro turno. Também não pretende votar nela no segundo turno. Não apenas você não vai votar nela, como você tem alertado sobre os perigos de se votar na candidata petista. Você tem suas razões para achar que o voto em Dilma não é o melhor para o Brasil.

Eu não penso como você. Entendo que o melhor voto para o Brasil é o voto em Dilma Roussef, e não em José Serra.

A principal razão que, no meu ponto de vista, justifica o voto em Dilma não é uma única razão. Na verdade, são 53 milhões de razões: entre 2003 e 2008, foram 21 milhões de brasileiros que deixaram a miséria e outros 32 milhões que ascenderam à classe média. Os números dos que chegaram à classe média correspondem mais ou menos ao total de torcedores do Flamengo, e os que saíram da pobreza correspondem aproximadamente à torcida do Corinthians. É isso mesmo: o número de brasileiros que melhoraram de vida na Era Lula é um pouco menor que a soma das torcidas do Flamengo e do Corinthians. A pobreza extrema no país foi reduzida à metade nos anos Lula. Esse salto não se deveu apenas ao bom momento econômico. Isso é fruto de medidas específicas do Governo Federal, tais como o Bolsa Família e o Bolsa Escola.

Você chama esses programas de assistencialistas, de demagogia paternalista. Na sua concepção liberal de “Estado mínimo”, esses programas não têm justificativa. Mas os países socialmente mais justos foram aqueles em que o Estado assumiu um papel ativo na promoção do bem estar social. Você condena os programas brasileiros, mas, quando vem à Europa, se embasbaca dizendo que a Suécia ou a Dinamarca é que são países “de verdade”, pois se importam com seus cidadãos. Os programas sociais brasileiros são irrisórios se comparados aos de países da Europa ocidental. Por que você etiqueta os programas assistencialistas suecos de “justos” e os brasileiros de “demagógicos”? O número de programas de suporte social de um país como a França é muito superior ao do Brasil. Para você ter uma ideia, aqui eu recebo uma ajuda de moradia, fornecida pelo governo francês a todo estudante que paga aluguel, seja ele francês ou não. Isso custa uma grana preta aos cofres franceses. Certa vez, comentei com um colega no trabalho que recebia essa ajuda. Nunca vou me esquecer do que ele falou: “Puxa, nem sabia que isso existia aqui na França. Sou classe média, não preciso desse auxílio, mas fico feliz de saber que os impostos que eu pago servem para ajudar estudantes como você”. Isso é civismo. É impensável ouvir isso da classe média brasileira, notória pelo seu acivismo. O que se ouve deles é que “a classe média é explorada”.

Você deveria é ficar feliz de saber que parte de seus impostos são destinados a ajudar os brasileiros que podem menos. Votar em Dilma é votar na continuidade desses programas. É a garantia de que mais compatriotas irão melhorar de vida. Ou você acha que vai manter esses programas um cara cujo vice propôs punir quem dá esmolas e que chamou o Pronasci de “bolsa-bandido”? Um cara cuja esposa chamou o Bolsa Família de “bolsa vagabundagem”? Você acha que esse senhor tem capacidade de diálogo com os mais desprovidos? Um cara que diz não entender os sotaques de goianos, mineiros e pernambucanos? Um cara que, como bem observou Idelber Avelar, inventou a favela de plástico? Um cara que diz para uma eleitora na favela, “Não posso conversar agora. A senhora não poderia me mandar um fax?”? Esse senhor não demonstra ter canais de comunicação com os pobres. Serra diz que vai manter os programas sociais. Só que eu não confio no que Serra diz. Aliás, não confio sequer no compromisso que ele assume por escrito em cartório.

Foi sob o Governo Lula que a economia brasileira conheceu um período de crescimento expressivo, inclusive durante a crise mundial. Conheço seu argumento: “Lula continuou o que FHC fez”. Só que o próprio FHC reconheceu recentemente que a gestão econômica do PT tem méritos próprios. Insistir na tese de que tudo de bom da economia brasileira não tem sequer uma contribuição da equipe econômica de Lula, mas apenas de FHC e do Plano Real, tem tanto sentido quanto dizer que a pujança da indústria automobilística brasileira nos dias atuais é mérito de apenas um homem: JK.

Não foi apenas no plano econômico que a gestão Lula foi primorosa. Há que se destacar a revitalização do sistema universitário público. Comparar a gestão Lula com Paulo Renato é como comparar o Barcelona ao Madureira. Foi nos anos FHC que o ensino superior privado conheceu fulgurante expansão – na maior parte das vezes, sem a contrapartida da qualidade –, rifando vagas universitárias a megagrupos empresariais. Ao mesmo tempo, as universidades federais entraram em processo de sucateamento: Paulo Renato cortou verbas, restringiu concursos para professores e funcionários, priorizou a expansão do ensino privado, não promoveu uma política de assistência estudantil. Fiz o curso médico na UFMG durante os anos FHC. O descaso governamental provocava greves recorrentes (a de 1998 foi marcante) e provocou inclusive o fechamento do Hospital das Clínicas da UFMG, pelo simples motivo de que a verba federal não era repassada: centenas e centenas de alunos, além de milhares de pacientes carentes, sofreram com o fechamento do hospital. Hoje, o campus da UFMG tem outra cara: prédios novos e modernos foram inaugurados (Economia, Farmácia, Odontologia, Engenharia).

A Cynthia Semíramis concorda comigo. Lula investiu no ensino superior: criou 14 16 universidades federais e outras dezenas e dezenas de escolas técnicas, muitas delas em regiões menos desenvolvidas do país. Foi a política de Lula que permitiu a criação, por exemplo, do Instituto de Neurociências de Natal, que já está aí, repatriando pesquisadores e fazendo pesquisa em alto nível. Cargos docentes foram criados e a carreira universitária foi valorizada, em flagrante contraste com a ativa promoção da penúria que marcou a gestão Paulo Renato. Tudo isso propiciou que os mestres e doutores formados no Brasil ocupassem cargos na universidade brasileira, evitando o brain drain que por tantos anos sangrou a academia brasileira.

O salto na pesquisa brasileira desde a eleição de Lula é bastante expressivo. Em 2003, os investimentos em ciência e tecnologia foram de 21,4 bilhões de reais; em 2008, já atingiam R$ 43,1 bilhões. Paralelamente, houve notável aumento da produtividade científica brasileira: as publicações em peer-review journals saltaram de 14.237 em 2003 para 30.415 em 2008. Subimos da 17ª posição no ranking da SCImago, em 2000, para a 14ª, em 2008. Passamos países com maior tradição de pesquisa, como a Suíça e a Rússia. A política de pesquisa do Governo Lula foi elogiada inclusive pela Nature, uma das revistas científicas mais importantes do mundo (aí, Tio Rei, coloque mais essa na lista do jornalismo chapa-branca). Eu não voto em José Serra porque não quero que a universidade e a pesquisa brasileiras sejam sucateadas novamente. Não merecemos outro Paulo Renato.

Você diz que o governo do PT é anti-democrático, que ele coíbe a liberdade de expressão e que ele ameaça a liberdade de imprensa. Você acha que o PSDB representa uma proposta democrática. Discordo nos dois pontos. Houve declarações atrapalhadas do governo no que diz respeito à imprensa, e não aprovo a atitude de Lula no episódio Larry Rother. Mas daí a dizer que governo do PT é anti-democrático e que cerceia a liberdade de imprensa vai uma distância muito grande. Nem mesmo FHC sustenta que o Lula é stalinista – só aloprados como Olavão e o Tio Rei é que alimentam besteiras assim. Se, como você diz, o PT censura a imprensa a seu favor e coloca um monte de jornalista chapa-branca nas redações de todo o país, olha, então o PT tem que aprimorar seus métodos. Dê uma olhada nas últimas capas da revista semanal de maior circulação do país, ligue a TV no principal canal, ou visite um dos blogs políticos mais acessados e veja (ops!) se há algum indício de que o PT tolhe quem fala mal dele e quem aponta as lambanças do partido. Aí você diz que, no governo Lula, tentou-se criar o Conselho Nacional de Jornalismo e que isso era uma tentativa ditatorial de controlar a liberdade de imprensa. Se isso é ditadura, sua lista de governos anti-democráticos deve incluir também países em que o Conselho já existe, como a França e a Inglaterra, como bem lembra Jânio de Freitas. Você critica a TV Brasil, dizendo que o governo não tem que manter canal de TV. Diga isso a um francês. Ele vai lhe dizer que na França não existe um canal de TV nacional que seja público. Existem cinco.

Eu também li o editorial do Estadão, dizendo que Dilma é “o mal a evitar”, por representar uma ameaça à democracia e à liberdade de imprensa. Você achou bonita essa defesa do “Estado de Direito”, né? Por que o Estadão nunca fez um editorial como esse quando o Brasil efetivamente vivia sob uma ditadura, nos anos de chumbo? Por que, dias depois desse editorial, esse mesmo órgão que se põe como baluarte da democracia plural demitiu sumariamente uma colunista que apoiou o Bolsa Família?

E será que o PSDB é tão comprometido assim com a democracia constitucional e com a liberdade de expressão? E os arapongas da Abin na gestão FHC? De qual partido é Eduardo Azeredo, que propôs uma lei de controle da internet que é carinhosamente chamada de AI-5 digital? De qual partido é Yeda Crusius, que mobilizou a PM gaúcha para espionar uma deputada de oposição, inclusive suas crianças (via Idelber)? De qual partido é Beto Richa, que censurou sete pesquisas eleitorais, um blog e até um twitter? E o que dizer do Serra, que telefonou a Gilmar Mendes para que ele tomasse a decisão que o PSDB preferia, no que diz respeito aos documentos necessários à votação? Isso é respeito às instituições democráticas?

Você reprova a política externa do Lula, dizendo que ele desonra a democracia brasileira, privilegiando o diálogo com regimes fechados e ditatoriais. Então me responda: onde estava sua indignação quando FHC condecorou o ditador peruano Alberto Fujimori com a Ordem do Cruzeiro do Sul?

Você vê com maus olhos as alianças políticas do governo Lula e acha que isso é um argumento forte para não votar no PT. Eu também não gosto do Sarney, do Collor, do Calheiros, do Temer, do Hélio Costa. Preferiria que eles estivessem longe do poder. Mas já passamos da idade de acreditar em purismo ideológico, né? Isso é coisa de adolescente que descobre a política. Fazer política é fazer alianças, muitas das quais difíceis de serem engulidas. Vai me dizer que você gostava de ver o sociólogo da Sorbonne de mãos dadas com o PFL de ACM e cia.? Você gostava de ver o Renan Calheiros como Ministro da Justiça do FHC? Talvez você nem sequer goste do Índio da Costa… Bem vindo à real politik, mon ami.

E sim, você vai me falar da corrupção na gestão petista. É verdade. No que diz respeito ao combate à corrupção o governo Lula não foi virtuoso – longe disso. Houve mesmo bastante corrupção. O mensalão existiu, não foi invenção. Mas, será que a oposição é impoluta e pode mesmo posar de moralmente superiora? Lembra-se do Mensalão Mineiro e do Azeredo? Do Ricardo Sérgio de Oliveira, caixa do alto tucanato, que levou R$ 15 milhões na privatização da Vale? Dos R$ 400.000 R$ 200.000 a cada deputado que votou a favor da reeleição? E o esquema de corrupção e espionagem, revelado no escândalo dos grampos durante a privatização da Telebrás, envolvendo FHC, o presidente do BNDES (André Lara Resende) e Luiz Carlos Mendonça de Barros (ministro das Comunicações)? E a farra do Proer? E o favorecimento ilícito da Raytheon na instalação do SIVAM ? E a endinheirada relação entre Chico Lopes (ex-presidente do BC) e o banqueiro Salvatore Cacciola? E Eduardo Jorge, assessor pessoal de FHC envolvido em diversas negociatas, inclusive em “caixa dois” para a reeleição de FHC? Por favor, não me venha com essa conversa de que o PSDB não compactua com a corrupção.

Eu vou concordar com você que o Brasil precisa de investimento em infra-estrutura: portos, rodovias, aeroportos. Mas será que o governo que impôs à população brasileira o racionamento de energia é mesmo o mais preparado para conduzir esses avanços em infra-estrutura? Acho que não.

Mas talvez nenhuma dessas questões sobre economia, educação e gestão pública importem para você. Talvez o que mais lhe opõe à candidatura de Dilma Roussef sejam questões religiosas. Pode ser, por exemplo, que você se oponha à política petista em defesa dos direitos civis dos homossexuais. Você chama isso de “tentativa de implantação de uma ditadura gay no Brasil”. É engraçado ouvir que existe ditadura gay no Brasil das mulheres-fruta, das dançarinas de axé, da erotização infantil, das peladonas do carnaval, das bancas em que pululam revistas masculinas de orientação heterossexual. Fique tranqüilo, essas coisas vão continuar acontecendo e ninguém está propondo instituir o monopólio da G Magazine entre as revistas de entretenimento adulto (fugiremos juntos do Brasil quando isso acontecer, ok?). Estamos falando em estender a uma pequena parcela da população os direitos civis desfrutados pela maioria. Nenhum governo do mundo tem poder para forçar alguém a assumir determinada sexualidade, porque os determinismos neurobiológicos da sexualidade passam ao largo da legislação dos homens – do contrário, eu acharia que os labradores machos lá do sítio da minha família só montam um no outro porque o governo PT apóia a causa homossexual (e eu desconfio que meus labradores não entendem muito bem o que seja o PL 122). A questão aqui é apenas garantir que a expressão de determinado comportamento sexual não seja discriminada. Isso não é forçar a população a ser homossexual, nem calar heterossexuais. O prefeito de Paris é gay, assim como o de Berlim e a Primeira Ministra da Islândia. Eu, heterossexual, não sofro por morar em uma cidade governada por um gay.

Aproveitando o tema, permita-me uma pergunta: o que aconteceria se, ao invés de se mobilizarem maciçamente contra o “casamento gay”, os evangélicos se movessem por coisas que importam, como metrôs, ensino público, bons hospitais e punição a corruptos? Por essas e outras, é que indicadores como mortes violentas, saneamento básico e crianças nas escolas são bem melhores em Paris do que em São Gonçalo, cidade do Brasil com maior concentração de evangélicos. A luta contra a miséria e os embates por educação, transporte e hospitais de qualidade não parecem sensibilizar evangélicos – mas se dois marmajos querem juntar escovas de dentes no mesmo copo do banheiro, aí eles entram na briga, né? Essa miopia política acívica atrasa o país. O Brasil seria bem melhor para todos se os evangélicos batalhassem politicamente por coisas que realmente importam – e isso certamente não inclui ajustar o mundo aos estritos códigos comportamentais que defendem.

Há o aborto também. Você está certo: a Dilma é a favor do direito ao aborto (este vídeo é como batom na cueca, não tem o que discutir). Mas preste atenção: estamos tratando de uma eleição presidencial, não de um plebiscito sobre o aborto. E você sabe: o presidente não tem poder para assinar um papel e legalizar o aborto por conta própria, sem aprovação do Congresso, como se estivesse assinando uma ordem para comprar canetas Bic para escolas públicas. A discussão e a legislação sobre aborto são matéria do Congresso, não do presidente. Não misture as coisas. Não entre na onda dos que estão transformando essa eleição em um plebiscito.

O Brasil melhorou muito sob a égide de Lula. A imprensa mundial, dos veículos mais à esquerda aos mais à direita (tá aqui o Figaro que não me deixa mentir), saúda os avanços na Era Lula. Você dirá, com razão, que toda unanimidade é burra. Sim, é verdade. Mas isso não significa que toda forma de discordância seja inteligente. Não é inteligente negar que, nos anos Lula, o Brasil se tornou um país socialmente mais justo e menos desigual. Isso é negar os fatos. E negar os fatos nunca é inteligente.

Você pode até não votar na Dilma, por razões várias. Eu, de minha parte, prefiro apoiar quem tem feito do Brasil um lugar melhor para o maior número possível dos filhos deste solo: os brasileiros.

Leonardo de Souza é médico formado pela UFMG. Especialista em Neurologia, trabalha desde 2005 no Centro de Doenças Cognitivo-Comportamentais do Hospital da Pitié-Salpétriêre, em Paris. É doutorando em neurociências na Université Paris VI. Este texto foi publicado inicialmente em seu blog: aterceiramargemdosena.opsblog.org.

—–
[ATUALIZAÇÃO: O texto foi modificado. Este blogueiro havia citado Eduardo Jorge como exemplo de corrupção no governo FHC. Eduardo Jorge foi, de fato, acusado de inúmeros crimes (inclusive pela própria Veja). Contudo, foi julgado e inocentado de todas as acusações. O trecho referente a Eduardo Jorge foi riscado. Peço desculpas aos leitores pela informação equivocada. E agradeço ao Zé Costa por ter me informado o erro]


Amálgama

Site de atualidade e cultura, com dezenas de colaboradores e foco em política e literatura.



avatar
Daniel
Daniel

Ridículo.Quanto o PT te pagou pra fazer esse tipo de artigo?Dá vergonha alguem formado em uma universidade tão respeitável como a UFMG,e ainda em uma profissão tão nobre como medicina fazer esse tipo de texto.

Francisco Boni Neto

Ridículo. Quanto o PSDB te pagou pra fazer esse tipo de comentário?Dá vergonha alguém entrar na internet e saber vir aqui, num blog cheio de artigos mínimamente complexos e fazer esse tipo de comentário?

Tá com nojinho? Refute cada argumento que foi utilizado no texto.

Rogério Maestri

Francisco

Há um ditado que diz: Não é possível tirar água de pedra. Se analisares o “nível” dos interloctores favoráveis a Serra, verás que não há como emitirem comentários complexos, pois quando o grau de complexidade aumentar, fica mais difícil contrapor o que é mais evidente, que Dilma é o melhor candidato.
Tu achas sinceramente que o nosso interloctor acima leu o texto inteiro?

Denise
Denise

Não se tira leite de pedra, é isso mesmo. Tive a mesma duvida que vc: o cara ali em cima sequer leu o texto todo. Se leu, não entendeu!

Selma
Selma

Rogério, concordo com vc. Esse Francisco e esse Daniel acho que leram e não entenderam… que dó! O ideal seria que as pessoas esclarecidas lessem e fizessem comentários, ainda que contrários ao conteúdo, mas inteligentes no entendimento. Vacilaram, kkkkkkkkkk.

Lelec/Leonardo de Souza

Rapaz, ainda não recebi a bufunfa do PT. A quem devo enviar minhas referências bancárias?
Quanto à medicina, pode ligar pro CRM e fazer uma denúncia contra mim por causa desse texto.

Alexandre
Alexandre

Leonardo, sou professor da Federal de Ouro Preto e fui aluno da UFOP nos mesmos anos que vc foi na UFMG, e hoje tb estou na França fazendo parte do doutorado em co-tutela com a UFMG. Vivi td isso que vc descreveu tão bem! O problema é que algumas pessoas acreditam mais em uma revista ou em um canal de TV do que na realidade diante dos olhos dela! Outras como o tio Rei simplesmente não aceitam dividir espaço são racistas e preconceituosos! Vejo que esse movimento neocon está muito organizado e temos que fazer o mesmo! Só assim venceremos!

Theles

Como diz o candidato do contra, Não meça os outros com a sua régua. Só porque você faria exigiria um pagamento para redigir tal texto, não considere que outros também o façam.

Tenho um blog, ao qual dedico algumas das minhas horas vagas, e sequer coloquei publicidade para evitar que qualquer tipo de comentário, como o seu aliás, pudesse ser colocado contra mim. O domínio está registrado em meu nome, a hospedagem sou eu quem pago, e os textos sou eu que redijo, bem como sou eu que barro todos os comentários de spam ou ofensivos.

Caso queira conhecer, http://desinformacaonao.com

Rodrigo Hésed

Ridículo.Quanto o PSDB te pagou para fazer esse tipo de comentário?Dá vergonha alguém que se propõe a ler um artigo de uma pessoa bem formada gerar palavras tão esdrúxulas, além de revelar-se cego quanto à realidade brasileira. Apesar do muito que ainda precisa melhorar, o Brasil avançou como nunca antes na história deste país!

Bruno Castro
Bruno Castro
Nao me surpreende nada o texto acima. Eu passei 8 anos na faculdade formando em economia, pos graduando em finanças e agora estou fazendo um mestrado nos EUA em finanças,nem por isso sou o dono da verdade, mas garanto que sei muito mais de economia que qualquer médico, como tenho certeza que o doutor ai entende muito mais de medicina do que eu.Estudei diversos modelos econômicos e acompanho noticas de politica diariamente, tenho NOJO do PT, nao acho que so existam santos nos outros partidos, com certeza nao, mas o PT é formado por um bando de covardes radicais!!!Quer viver… Leia mais »
Daniel

Coreia é C.

Denise
Denise

Com mestrado e ele não sabe escrever Coréia!!!!!!!???????

Guilherme Henrique
Guilherme Henrique
Tem nojo do PT? Aiai… Deve ser filhinho de papai, nasceu em berço de ouro, passou talcou na bundinha. Não sabe o que é pegar tétano por passar fezes de boi pra cicatrizar as feridas das nádegas. Se liga!!! Entende mesmo de economia? Acho que não o artigo, então. FATOS são FATOS, e nada além disso. Quem vive a muito tempo sabe. Você acha que os supermercados eram lotados assim? Que os shoppings eram povoados pela classe média? Que pobre tinha tevelevisão? kkkkkkkk.. Se muito, tinham rádio à pilha. E Córeia e com C. Uma profissional tão qualificado, como diz… Leia mais »
Maíra
Maíra

chamar PT de radical foi dose, hein, amiguinho? conhece PSTU, não?

Thiago
Thiago

Você deve ser é um imigrante ilegal nos EUA, que junta no máximo uma merreca lá e vem para cá se achando um boyzinho depois de ficar oito anos lavando chão e sendo bábá de americanozinho.

zuleica jorgensen
zuleica jorgensen

Argumento bobo, amigo, típico de quem não tem nenhum outro. Os “covardes radicais” do PT colocaram o Brasil no mundo, com altivez e democracia. As pessoas estão vivendo melhor aqui, talvez você não saiba disso porque está vivendo nos EUA. Aliás como vai a economia daí, país dos que “sabem tudo” sobre finanças?

zejustino

Parece que o Bruno está fazendo o mesmo curso que o Serra fez (mesmo sendo, na época, um simpatizante dos “aureos tempos do socialismo. O que torna muito suspeita a formação do tucano numa das escolas mais caras dos EUA).

Se o Bruno foi aprender economia na terra dos criminosos de guerra deve estar por dentro do aumento da pobreza na população daquele país. Ou foi fazer mestrado no Tea Party?

Será que ele conseguiria explicar porque o PT é formado de “covardes radicais”?

Andrei
Andrei
Hum… mestrado em economia… sei… nos EUA… sei… Quem causou a última grande crise econômica mundial mesmo? Hum… Quem conseguiu safar-se dela mais rápido mesmo? Quem mostrou a solução ao mundo foram os economistas americanos obviamente… Ah não ! Foi o metalúrgico petista covarde radical nojento !!! No Brasil !!!!! E isso tudo sem que os economistas americanos previssem em seus oráculos !?!?!? Lamento meu caro, mas vou ficar com a opinião (inclusive sobre economia) do nosso médico. Quando você voltar para o país que ensina ao planeta como sair da crise (o Brasil, não os EUA) e fizer sucesso… Leia mais »
fernando souto
fernando souto
caro bruno, Em primeiro lugar, educação não faz mal a ninguém. em segundo lugar, não use o fato de vc ser economista para desmerecer o autor por ele ser médico porque é a sua opinião, e não a de todos os economistas. Você sabe tão bem quanto, que também sou Economista, que modelos partem de hipóteses simplificadoras, desenhando um mundo específico, que e funcionam sob determinadas condições. Também deveria saber que não há uma visão única de como se faz política econômica mas algumas, e com resultados bem diferentes quanto a importância do Estado e do desemprego por exemplo –… Leia mais »
Stela Ananda
Stela Ananda

Fernando, muito obrigada!

Pedro
Pedro

Engraçado como o colega que faz questão de gabar-se do mestrado, não apresenta um motivo sequer pra endossar os seus pontos. O PT é nojento por ser formado por “covardes radicais”? Não sou pós-graduado em economia, tampouco estou nos Estados Unidos fazendo mestrado em finanças, mas conheço de lógica e retórica o suficiente pra taxá-lo de falacioso.

A política econômica realizada no governo de Lula é louvada mundo afora, a seu contragosto puramente por ser de posicionamento ideológico claramente contrário ao seu? Demonstra o quão sério devemos levá-lo em consideração, isto é, não devemos.

Mario Coutinho
Mario Coutinho

Mais um tucano arrogante e preconceituoso (se não for um troll dizendo que é conomista). Se ele conhece tantos modelos econômicos devia vir para cá para iluminar a campanha do seu candidato que só sabe dizer trololó.

Felipe
Felipe

Daniel,

Eu não entendo muito das suas razões, mas o que exatamente é ridículo? Não sei se você sabe usar direito a internet, mas se clicar nas letras azuis você é direcionado a páginas que corroboram cada assunto abordado.

Espero tê-lo ajudado.

cristiane
cristiane

eh mais provavel q o psdb pague pra conseguir manipular opinioes (como tem feito com os religiosos) do q o pt! vamos e convenhamos!

Rogério
Rogério

Concordo totalmente com o comentário do Daniel de 12/10/10…

Mario Coutinho
Mario Coutinho

Daniel, vc leu tudo ou é eleitor do Tiririca ?

Mário SF Alves
Mário SF Alves
Aí, Daniel, desculpe-me cara, mas, vou pegar uma caroninha e aproveitar agradecer, sinceramente, o bem que esse outros cara me fez. Graças a esse outro cara aí, Leonardo de Souza, autor de o “Para você, que não votou na Dilma”, eu consegui me desasnar um pouco. Graças a esse cara aí eu dei um primeiro passo no sentido de encontrar forças e argumentos para entender, enfrentar e superar meu estarrecimento diante da estratégia de campanha mais agressiva, mais sórdida e retórica mais vil por mim presenciada. Imagino que você saiba de a que campanha estou me referindo. Parabéns ao Amálgama… Leia mais »
Bruno
Bruno

“E o que dizer do Serra, que telefonou a Gilmar Mendes para que ele tomasse a decisão que o PSDB preferia, no que diz respeito aos documentos necessários à votação? Isso é respeito às instituições democráticas?” Você esqueceu o Aécio Neves: http://www.youtube.com/watch?v=R4oKrj1R91g

Lelec/Leonardo de Souza

Boa lembrança! Valeu!

jefte
jefte
“Não concordo com uma palavra sequer do que dizeis, mas defenderei até a morte o vosso direito de dizê-las.” – Voltaire nao votei na Dilma e nao votarei.. 1 porque os que sairam da linha da miséria não tiveram sorte de sair da miséria da mesma forma que o filho do lula e seus amigos que lotearam brasilia em cargos comissionados. 2, pq o pt é sim anti-democratico até em seu partido, excluiu a quem tem direito constitucional art. 53, por se opor a convenção partidária, a saber aborto. 3, por propor a mordaça gay. 4 por eu ter q… Leia mais »
Francisco Boni Neto
1- E a filha do Serra, Verônica Serra, saiu da “miséria” sendo socia de Verônica Dantas, irmã do Daniel Dantas, banqueiro dono do Opportunity, através da empresa Decidir.com. Verônica D. e o irmão Dantas foram indiciados, em 2008, pela Operação Satiagraha, da Polícia Federal, por crimes de lavagem de dinheiro, evasão de divisas, sonegação fiscal, formação de quadrilha, gestão fraudulenta de instituição financeira e empréstimo vedado. Verônica também é investigada por participação no suborno a um delegado federal que resultou na condenação do irmão a dez anos de cadeia. E também por irregularidades cometidas pelo Opportunity Fund: nos anos 90,… Leia mais »
Marina
Marina
Meu Deus, quanto ignorância, perder tanto tempo escrevendo um texto tão grande e tão pobre. Somente lamento pelos que são ludibriados pelo governo petista. É inegável que o governo Lula ajudou os mais desfavorecidos, mas é a maior ignorância que existe dizer que isso tudo foi criação do PT, pois a maioria dessas iniciativas já haviam sido traçadas pelo governo FHC. E isso eu tenho certeza que ninguém aqui pode negar. O governo Lula somente dá o peixe e não ensina a pescar, favorece apenas os mais pobres, mas os “ricos” (leia-se classe média ou classe média alta) que muitíssimas… Leia mais »
Rafael
Rafael

AUMENTO DE 120% nas vendas de automóveis acima de 140 mil reais, onde é que o governo LULA NÃO BENEFICIA OS RICOS (TAMBÉM)!!!
CHEGA DE DESCULPAS SEM FUNDAMENTOS GENTE É DILMA 13

viviane
viviane

A Dilma descobriu sujeira do Lula e chantageou ele dizendo pra ele apoiar ela na presidencia senao ela contava tudo…é essa a história. Por isso a decisao de que a Dilma fosse presidente foi solitaria do Lula.

Flavia
Flavia

meu Deus! Essa da Viviane é demais! Minha filha, acorda!!! Nao tem mais nada pra inventar?!?!

Roberto Albuquerque
Roberto Albuquerque

Essa foi a melhor do dia !!!!! KKKKKKKKKKKKKKKKKKKKKKKKKKKKKKKKKKKKKKKKKKKKKKKKKKKKKKKKKKKKKKKKKKKKKKKKKKK

Francisco Boni Neto

A educação no governo Lula foi bastante incentivada, os investimentos no FUNDEB duplicaram, as universidades federais foram expandidas. Portanto seu argumento de “ensinar a pescar e dar a vara” é inválido. É inválido e idiota porque todos economistas, o próprio Banco Mundial, defende o bolsa família. Os impostos/tributos brasileiros são normais para as dimensões socioeconômicas do país, como eu escrevi acima e você não leu. Não leu porque a analfabeta retardada é você, apesar de você chamar quem vota na Dilma de analfabeto. Um grande preconceito pra lixos humanos como você.

cristiane
cristiane
o FHC ficou 8 anos traçando rumos? poupe-me! vendeu o pais o maximo q pode, e oq restou esta aí pro Serra terminar. Ele nao eh preparado, nas primeiras propagandas dele nao tinha conteudo algum! agora ele esta bem adestrado. q bom q vc pode estar aki defendendo a classe media alta, mas se esses pobres q nao merecem ajuda q vc se referiu, perderem o poder de compra q se deve ao Lula e jamais ao FHC, esses empresarios vao fechar as portas e ir pra beira da calçada dos pobres q nao merecem ajuda com uma latinha de… Leia mais »
Amanda
Amanda

Arrasou Crisiane!

Didi
Didi

Ô, Marina, tu tens coragem de chamar alguém de ignorante???
Filha, quanto mais pobre, mais se paga imposto.
Só uma sugestão. Vai para a escola, estudas uns dez anos pelo menos (mas estuda mesmo!!!), depois entra em algum forum para escrever qualquer coisa e não pagar mico.Se tens título, vota em quem quiseres, mas por favor…
NÃO DIZ BESTEIRA!!!!!

ana cristina de oliveira
ana cristina de oliveira

o lula tinha mestrado rsrsrsrrsr

Flavia
Flavia

Eu queria saber de quanto tempo mais o FHC precisaria pra “traçar o rumo do pais”. Oito anos nao foram suficientes? Dilma nao sabe falar? Era o mesmo que diziam do Lula e… ele é simplesmente o melhor presidente da historia! O torneiro mecanico, “analfabeto” e que nao sabia falar criou tao somente 14 universidades federais, enquanto que o “sociologo” FHC NAO CRIOU NENHUMA! Entao, Marina, coloque a mao na conciencia, ja que voce nao é fa do Serra e quer um pais mais justo, seu voto tem que ser da Dilma, so falta vc tomar conciencia disso. Aquele abraço!

Flávia Tavares
Flávia Tavares
Marina, você é do tipo que entra em pirâmide daquelas que prometem dar dinheiro pra todo mundo achando mesmo que vai funcionar? Que injustiça você e o “anônimo lol” dizerem que as pessoas não sabem “pescar”. Sabem, sim, agora tão até podendo comer o suficiente pra levantar a cabeça e votar em quem os representa. Você leu o texto da Maria Rita Kehl? Um pedacinho aqui pra te dar vontade: “Outra denúncia indignada que corre pela internet é a de que na cidade do interior do Piauí onde vivem os parentes da empregada de algum paulistano, todos os moradores vivem… Leia mais »
cristiane
cristiane
concordo com vc tb! o problema de quem esta aki criticando o governo atual e defendendo o afunda-povo do psdb eh q so têm instrução via email. e como vc citou, cai ate em joguinho de piramide! vivem de herança familia contra o pt, mas nao de argumentos. vivem de catequese eleitoreira, mas nao de fatos. e incluindo a questao religiosa q o serra fez questao de introduzir num setor q nao deveria pq o estado eh laico e deve ser assim pq religiao eh de cada um, ele esta subestimando a inteligencia de quem tem fé. esta esfregando na… Leia mais »
zuleica jorgensen
zuleica jorgensen
Marina, quem dividiu foi você, quando disse que o governo Lula só ajudou os pobres e não fez nada pelos ricos e pela classe média. O que aliás não é verdade. Eu sou de classe média alta e acho que tudo mudou para melhor na minha vida e na de meus filhos neste período. Quanto a Serra ser melhor, porque DILMA NÃO SABE NEM FALAR, chega a ser hilário. O FHC sabe falar, inclusive outras línguas, mas fez um governo sofrível. É fato que algumas coisas foram feitas no governo dele, mas a verdade é que nem mesmo ele soube… Leia mais »
Ana
Ana
Este “texto tão grande e tão pobre” cita artigos da constituição e Fatos verídicos – não é um papo de comadres!!! Você escreveu “É inegável que o governo Lula ajudou os mais desfavorecidos, mas é a maior ignorância que existe dizer que isso tudo foi criação do PT”- Contradição, redundância e faltam argumentos. Imagine, Marina, somos então, 162 milhões de desinformados e ludibriados pelo governo em gestão? Estes números correspondem aproximadamente a 80% dos que aprovam Lula! Obviamente, você faz parte da minoria, individualista, retrógrada, preconceituosa e indecisa. Afirma não ser “fã” de Serra, apesar de achar que ele é… Leia mais »
Ricardo
Ricardo

Hahahaha! Quanta ingenuidade achar que Serra é mais bem preparado que a Dilma. Curioso, acusavam o Lula de analfabeto, porém, mesmo eu não sendo fã do Governo Lula, considerando-o mediocre, se comparado à FHC com pós doutorado não sei onde, com uma lábia muito sofisticada, Lula foi brilhante. A dívida pública foi para as alturas minha cara no governo FHC!!!! Vejam isto meus caros:
http://cambuca.ldhs.cetuc.puc-rio.br/~miguel/lula_fhc_dilma_serra.pdf
Ora essa, ninguém governa sozinho, há ministérios, secretarias, etc…Você não têm mais de oito anos, ou têm?

zejustino

Tenha paciência, Marina. O seu conceito de governante preparado, de estadista, está na voz do Serra? Você acusa os eleitores da Dilma de não ter “um grau mínimo de alfabetização” e solta uma besteira tão grande como essa da dicção do enganador. Se você não percebeu até agora o que há por trás do discurso, ou melhor, da dicção do Serra, volte aos bancos escolares e aprenda o que significa “analfabetismo funcional”.

Amanda
Amanda

Dilma nao sabe nem falar, já Serra sabe falar muito bem, aliás, só isso ele sabe fazer, falar uma coisa e fazer outra. Até quando acreditaremos em demagogos?

Pedro
Pedro
Primeiro: a parte dos detalhes que podem ser vistos em outros textos, digo que entre FHC e Lula existe uma diferença gritante de modelos político-econômico inegáveis. Dizer que Lula continuou o que FHC fez é de uma ignorância descomedida. Seria o mesmo que falar que o avanço da indústria automobilística brasileira da atualidade é fruto das ações singulares de um único homem: JK (retirei do texto (O mito da continuidade da política econômica) — relacionado ao texto supra. Segundo: o governo não só dá o peixe, como ensina a pescar, basta observar o investimento maciço em educação nos últimos anos.… Leia mais »
Mario Coutinho
Mario Coutinho

Preconceito é foda né Marina ? Dilma não sabe falar ????!!!!
Os melhores oradores do mundo ou eram charlatães (Serra) ou ditadores (Hitler).

cristiane
cristiane

vc esta absolutamente certo em tudo oq escreveu!!!
essa renca de gente aki embaixo mal informada e manipulada por sociologos q nao estao nem aí se recomecar a quebradeira da era FHC, nao vai enxergar oq esta sendo dito! se nao enxergaram ate agora as mudanças dos 8 anos do Lula e o abismo dos 8 anos do FHC, nao vai ser nem em 3 vidas q subirao de patamar. nao subestime a falta de inteligencia de um tucano elitista, ela sempre pode piorar.

Mário SF Alves
Mário SF Alves
Caro, Francisco Boni Neto, Voltei ao Amálgama para agradecer ao médico Leonardo de Souza que generosa e elegantemente disponibilizou meios de mobilização política ao combate à vil campanha da oposição pela retrocesso do Brasil à condição de feudo, de apartheid social e à miséria (a mãe de todas as doenças). Reli os posts e vi que já o havia agradecido. Mas, só aí me dei conta que aqui não era apenas o Leonardo ; vi que havia outros. E tinha você, cara! Você e sua aguerrida, imprescindível e brilhante defesa do ideário “Dilma Presidente”. E aí, meu caro, o que… Leia mais »
Ezio Jose
Ezio Jose

A internet está bra porque meu salário mínimo não é mais 70 dolares.

cristiane
cristiane

CONCORDO EM CAPS LOCK!!!!!!!!!!!!

Lelec/Leonardo de Souza
Caro Jefté, Não vou responder a todos os seus pontos. Dizer que o governo Lula não promoveu a universidade pública é mentira. Os números estão aí: 14 universidades públicas criadas (FHC não criou sequer uma), fora a estrondosa melhoria das condições das universidades brasileiras, com reflexos diretos na pesquisa brasileira, como mostrei no texto. Dizer que o PT é anti-democrático porque exclui do partido quem não apóia o aborto não tem sentido algum. As pessoas se filiam ao PT porque querem e porque concordam com uma série de propostas, aborto inclusive. O PT não é “anti-democrático” por excluir quem não… Leia mais »
Eduardo Figueiredo
Eduardo Figueiredo
Começando pelo fim: a privatização não barateou nada, muito menos a internet! A tecnologia sim é que barateia o acesso e, junto com ela, a concorrência que tanto pode ser entre privado x privado quanto privado x público. Aliás, funciona bem no mundo inteiro. Currículo? José Serra jamais cumpriu um mandato eletivo inteiro! No governo, vendeu tudo o que é capital nacional com financiamento (camarada) no BNDS. Privatizou os lucros e estatizou os prejuízos. A Petrobras faz sua parte. Se o combustível é caro, é por conta dos impostos. Como não se paga imposto de renda no Brasil, ele (imposto,… Leia mais »
Ricardo

Você tem certeza que realmente leu o texto?
Você “não concorda”… Mas você nega elementos que são factuais, e aí, meu caro, não importa muito se você concorda ou não, a não ser que você realmente ache ruim, por exemplo, a expansão do ensino público, algo que você muito equivocadamente negou em seu texto.

Marcus
Marcus
Parabéns Jefte, Avante com sua clareza de opinião e poder de concisão. Falou e disse! Depois de eu perder tanto tempo lendo o Leonardo de Souza e o Francisco Boni Neto, vejo o que de pior esses dois sujeitos, nitidamente inteligentes tem, em comum, com todos os demais amigos PTistas: quando o tópico é muito duro de encarar, eles fogem para o mero contra-ataque. Exatamente, como ocorreu com a menção do Leonardo à Real Politik. Ou o quase um deboche, do primeiro ponto de sua mensagem, sobre o qual Francisco preferiu evitar “acusar o golpe”, e saiu tangiversando para a… Leia mais »
cristiane
cristiane

a corrupcao no governo do fhc nao existiu pq ele comprou todo o congresso pra nao ter cpi meu caro! ou ninguem aki se lembra disso? o fhc nao deixou cpi’s acontecerem!

Andrei
Andrei

Cristine,
… e pq ele comprou também a “inestimável ajuda” da Rede Globo com a renovação do “Proer da Midia”.

zuleica jorgensen
zuleica jorgensen
Amigo, eleição não se ganha com alvoroço. O PSDB que o diga, quando perdeu para o Lula duas vezes seguidas, a segunda depois dos chamados escândalos de 2005. Se você acha que a presença no PT de um cara como Zé Dirceu é ruim, estamos de acordo. Nunca o achei um bom quadro, e depois de tudo que ocorreu tenho certeza de que estava certa. Mas o Zé Dirceu não é o PT. O Partido dos Trabalhadores é muito mais: é Patrus Ananias, é José Eduardo Cardozo, é Marcelo Deda, é Marco Aurélio garcia, é Lula, é Dilma… Não se… Leia mais »
Leo
Leo
não conheço nenhum graduando/doutorando que ganhe 2 mil por mês pra assistir 2 aulas. eu fiz mestrado ganhando 850 reais de uma bolsa que me exigia dedicação exclusiva. hoje as bolsas de mestrado federais tão pagando em torno de R$1200, e ao menos na minha área, nos departamentos sérios, o cara tem que assistir aulas e freqüentar todas as atividades do curso do início ao fim. a gente acaba indo pra universidade quase todo dia. a bolsa de doutorado federal tá em torno de R$1800 e as exigências são as mesmas (repito: ao menos nos departamentos sérios). não voto no… Leia mais »
Nilva
Nilva

Tenho um grande amigo diretor de uma área no HC e orientador de pós-graduação. Eles não tinha grana condições pagar (dois) bolsistas e pediram pra FIESP doar.
Tenho também amigos Coordenadores de Depto. na ECA que me disseram que lá está tudo sucateado, sem professores efetivos para algumas áreas, falta de material didático e alguns
cursos foram extintos. Na Unicamp e Unesp, idem. Dão show onde?
Não é o que os diretores e professores dessas universidades dizem.

Catatau

Func func, cheiro de troll 😉

Catatau

Func func, cheiro de troll 😉 (comentario para jefte)

Ana Chantre
Ana Chantre
Concordo com você, quando diz que a Dilma é fabricada, não posso comentar sobre o caráter de ambos candidatos pois eles não são meus vizinhos ou colegas de trabalho, para que eu possa conviver e analisar as atitudes diárias de ambos. Nós brasileiros esquecemos sempre que em todas eleições há esses episódios ridículos, de boatos, publicações de baixarias diversas, porém todos nós temos passado e todos os políticos tem telhados de vidro, portanto não devemos escolher candidatos por detalhes mundanos e sim por ideologias políticas, com determinação para melhorar a nossa condição de vida, de sustentabilidade. Não votei no LULA,… Leia mais »
Mario Coutinho
Mario Coutinho

Tucano falando de caráter é como Tiririca falando de desenvolvimento sustentável.

Blog de Um Brasileiro
Eu voto no José Serra. Sou um apreciador do AMÁLGAMA e todos que acompanham sabem disso. Mas este texto do Leonardo de Souza foi um dos melhores que já li sobre os candidatos à Presidência da República. Um texto equilibrado, ponderado. Sua habilidade para escrever não o fez esquecer de momentos nebulosos e gloriosos, equilibrando estas duas coisas. (quase me convenceu) Votei no barbudinho toda a minha vida. Quando era criança, no ginásio, já fazia campanha para Lula. Votar no José Serra foi como um rito de passagem. Mas creio que esse é o momento da alternância de poder. Também… Leia mais »
Lelec/Leonardo de Souza
Olá, Obrigado pelos elogios. Não demonizo o FHC, embora assinta que se possa pensar isso a partir do meu texto. FHC fez coisas boas, mas outras ruins também (Paulo Renato talvez tenha sido a pior delas). Eu não pretendia que FHC rompesse com todas as liderenças tradicionais. Citei-o como exemplo para que a oposição atual se lembre de que não se governa este país sem passar por algumas figuras nefastas que, pouco a pouco, vão sendo depuradas da cena nacional. Talvez você se interesse pelo texto que o Celso (NPTO) postou hoje, em que ele faz conjecturas sobre uma possível… Leia mais »
Eduardo Figueiredo
Eduardo Figueiredo
Caro senhor(a) Venha para nosso lado! Além dos motivos citados há muitos outros. Mas o que importa mesmo, é que a vida melhorou para a maioria das pessoas! Isso não é propaganda de partido ou candidato. É algo que está nas ruas. Repare como a oposição evita discutir questões sérias. Joga no time da confusão, da irresponsabilidade. Eu também acho salutar a alternância de poder, contudo, isso deve acontecer do regular para o bom ou do bom para o melhor. Veja um exemplo: no começo desta década, os EUA tinham um presidente e um governo bom, com um candidato (do… Leia mais »
Flávia Tavares
Flávia Tavares
Oi, Brasileiro, Também parabenizo você: desfez a impressão que eu estava tendo sobre os eleitores do Serra. Acho que não preciso explicar qual era. Sobre a “alternância de poder”, o Jorge Furtado escreveu também uma coisa interessante, no site do Casa de cinema. (Pra quem não sabe, o J. Furtado é o diretor daquele famoso documentário, “Ilha das Flores”.): “O sentido da democracia não é a alternância no poder e sim a escolha, pela maioria, da melhor proposta de governo, levando-se em conta o conhecimento que o eleitor tem dos candidatos e seus grupo políticos, o que dizem pretender fazer… Leia mais »
Flavia
Flavia

Flavia, é isso mesmo chara! Temos que nos esforçar pra trazer de volta as ovelhas desgarradas. A alternancia de poder so é valida quando traz beneficios, e no momento atual da politica brasileira os beneficios pro pais so serao possiveis com Dilma!

Thiago
Thiago

Pelo menos um eleitor do Serra que eu respeito.
Dilma para continuar mudando!

zuleica jorgensen
zuleica jorgensen

Brasileiro (não sei seu nome)
Até concordo parcialmente que FHC deu os alicerces. Mas se deu não conseguiu segurá-los e, principalmente, não conseguiu construir nada em cima. Isso foi Lula que fez, não dá pra negar.
Um abraço

Adilson
Adilson

Há vinte anos o PSDB governa São Paulo. Alternância de poder só é boa no âmbito federal?

Diana
Diana

Achei bonito, muito bem intencionado.
Tenho tantos outros fortíssimos motivos para NAO votar em Dilma.
O assistencialismo é incrivel, mas neste caso veio acompanhado de muito, muito , muito roubo e ilegalidade… não me alongarei porque não é este o objetivo do comentário.
Acho necessária a alternância de poder.
Viva a liberdade de expressão e de decisão
parabéns pelo texto
abs,

Ricardo
Diana, você não está errada em questionar as maracutaias do PT: algumas reais, outras plantadas pelo PSDB. O problema é: o Serra é melhor do que isso? E as visões estratégicas? E a política de Estado? O Souza mencionou algo importante: dá para confiar quando o Serra fala em estatização? Caramba, ele está chamando a gente de palhaços. E há algo muito importante a ser avaliado na Era Lula: a fidelidade ao Programa de Governo. Desta vez, foi prometido e muita coisa foi colocada em prática. É fato. Vou de Dilma com tranquilidade, mas torcendo sim para que em 2014… Leia mais »
aline
aline

Espero que vc esteja indo nas manifestações agora em 2013. Nao votei na Dilma. Agora vai lá levar tiro de borracha na testa.

Guilherme Montana

Souza, mil parabéns pelo texto. Impecável. Perfeito.

Abraço!

PS: Recado ao comentarista anterior: democracia não é “alternância de poder”, pura e simples; é escolher quem governa. Quem a gente acredita que fará a diferença, para melhor, para todos. Na própria França, que rechaça medidas monarquistas, não há limite de mandatos para reeleições presidenciais. (Nos EUA, antes do FDR, também não.)

Lelec/Leonardo de Souza

O que eu acho mais interessante é que geralmente os que justificam o voto em Serra pelo argumento da “alternância de poder” são os que há mais de uma década votam Covas/Alckmin/Serra em SP, ou que reelegeram Anastasia, em MG, depois de dois mandatos do Aécio.

Ricardo

Concordo, Souza.
Alternância de poder pura e simplesmente não é benéfico a priori.
Não podemos generalizar, ainda mais no caso do Brasil, que é o país das descontinuidades, das políticas de governo, e não de Estado.
No momento, vou com o PT, com Dilma.
Viva o Brasil!
Obrigado pelo texto! Um presente!

jefte
jefte

meu comentário foi barrado pq? linguagem inapropriada? deveria ser colocada no texto tambem.. eu votei na Marina no primeiro turno

admin
admin

Caro, o comentário estava aguardando moderação.

Francisco

Li o seu texto, votei na Marina no primeiro turno e agora vou votar na Dilma. Estou finalmente convencido.

lizandro
lizandro

O assistencialismo vai continuar mesmo com Serra. Nem um presidente vai abrir mão dos votos que rendem o bolsa familia.

O que não podemos suportar mais é esses casos de corrupção e alianças feitas com corruptos, um presidente defender sarney e apertar a mão de collor.

Uma ministra que coloca uma amiga corrupta para trabalhar com ela e depois tenta abafar o caso, Se Dilma age assim agora como será se eleita presidente?

Francisco Boni Neto
Você não leu o texto. Não é assistencialismo. Prova: Pesquisas realizadas pelo governo federal entre os beneficiários indicaram que o dinheiro recebido é gasto, pela ordem, em comida, material escolar, roupas e sapatos.[23] Um estudo realizado pela Universidade Federal de Pernambuco dentre os beneficários residentes na área rural, inferiu, através de técnicas estatística complexas, que 87% do dinheiro recebido é utilzado para comprar comida.[7] Pesquisas promovidas pelo Banco Mundial indicaram que houve uma significatica redução na exploração do trabalho infantil dentre as crianças beneficiadas pelo Programa Bolsa Família[24] Segundo o Banco Mundial, que apóia o programa, o Bolsa Família é… Leia mais »
Marcus
Marcus
45 itens “marketeira e cuidadosamente” embrulhados contra o Serra! Que disposição, Francisco! Ou será que vc está sendo pago pra isso? Eu achei que o site fosse um fórum de amadores e seus frequentadores, idem. Caso contrário, acho que é covardia. Aliás, numa campanha presidencial de, digamos uns R$400.000.000(milhões de Reais) eu não tô afim de ficar enfrentando marketeiro nem publicitário que esteja levando uma bolada pra criar essa tal “Corrente do Bem”, de ontem ou anteontem na propaganda eleitoral gratuita, nem, tampouco, algum outro que resolva que 45 é pouco e resolva colocar 100 itens mal ajambrados e por… Leia mais »
cristiane
cristiane

EU TENHO RECEBI MUITO MAIS DE 45 EMAILS MARKETEIROS E CUIDADOSAMENTE ELABORADOS PARA DIMINUIR A DILMA EM FAVOR DO SERRA, MENOSPREZANDO A INTELIGENCIA ATE MESMO DE EVANGELICOS. VCS TB ESTAO RECEBENDO POR ISSO? O MAIOR MARKETING DE DESTRUICAO ESTA VINDO DO PSDB! ESSA INTOLERANCIA Q SE OBSERVA EM TODOS OS LUGARES DE DEBATES ENTRE ELEITORES NAO EXISTIA DESSA FORMA ANTES. ESTA VINDO COM O SERRA E A TURMA DO QUANTO PIOR MELHOR. EH ASSIM Q ELE VAI GOVERNAR! INCITANDO CONFUSAO.

Thiago
Thiago
Respeita a opinião do cara. Ele esta só respondendo que a justificativa de não votar no PT por causa de corrupção é totalmente pífia. Porque a corrupção é um problema social e não só do PT. Se essa lógica fosse posta em prática teriamos é mais que votar na Dilma porque o DEM é o partido mais corrupto do Brasil e o PSDB é o terceiro(segudo o próprio TSE, não vou por link porque vcs podem ver no google), se juntar o PT e o PMDB juntos teremos a maior coligação do país mas mesmo assim os casos de corrupção… Leia mais »
Marcus
Marcus
UM RESGATE DA HISTÓRIA DO PT: 1985 – O PT é contra a eleição de Tancredo Neves e expulsa os deputados que votaram nele. 1988 – O PT vota contra a Nova Constituição que mudou o rumo do Brasil. 1989 – O PT defende o não pagamento da dívida brasileira, o que transformaria o Brasil num caloteiro mundial. 1993 – Itamar Franco convoca todos os partidos para um governo de coalizão pelo bem do país. O PT foi contra e não participou. * 1994 – O PT vota contra o Plano Real e diz que a medida é eleitoreira. 1996… Leia mais »
Fernando
Fernando
1) Tancredo Neves foi lançado candidato por ser aceito por grande parte dos militares da ditadura. Na área militar era apoiado Ernesto Geisel. O PT não aceitou Tancredo porque ele estava sendo ‘suportado’ pelos militares psicopatas, não porque ele era um anjo incólume salvador da democracia. 2) O PT não votou contra a nova constituição. Ta usando ácido? O PT foi opositor de alguns artigos. 3) Somente as alas mais radicais de esquerda do PT defendiam o calote. Hoje o PSOL defende isso. 4) Hitler também convocou todos pelo “bem do país”. Convidar todos pelo bem do país numa reuniãozinha… Leia mais »
Lelec/Leonardo de Souza

Um candidato (Serra) telefonou a Gilmar Mendes para que ele tomasse a decisão que o PSDB preferia, no que diz respeito aos documentos necessários à votação: se Serra age assim agora, como será se eleito presidente?

cristiane
cristiane
concordo q muita gente nao deveria mais estar ali nakele meio. mas enfim, a democracia os elege, nao eh mesmo? mas a minha pergunta a vc eh: o serra vai governar sem essas pessoas q apesar de pouco ou nada idoneas possuim ainda muito poder nas maos? nao eh oq ele esta pregando nas propaganda eleitorais dele! ele diz q vai votar com todos os partidos, todos os politicos, para uma uniao pelo brasil. entao, ou ele esta mentindo, ou vcs q o defendem nao entendem oq ele esta dizendo. sera q ter o acm abençoando o fhc q so… Leia mais »
cristiane
cristiane

esse comentario eh pro lizando q esta la em cima sobre as alianças com collor e sarney, mas por algum motivo ficou aki embaixo.

Luciana Nepomuceno

Não vou acrescentar argumentos aos já bem apresentados pelo autor. Só quero recordar que o que caracteriza a democracia é a possibilidade de escolha e não a alternância de poder. Se assim fosse, não precisaríamos votar, era só sortear que partido iria governar a cada 4 anos. EU quero escolher a continuidade.

cristiane
cristiane

EXATAMENTE! SE FOSSE PARA EXISTIR ALTERNANCIA O FHC NAO TERIA COMPRADO A REELEICAO NO CONGRESSO.

wpDiscuz